26 de março de 2007

Malas, aeroporto em pleno caos e Brasil sempre igual...

Estou de volta depois de dias de muita diversão, arte e porque não, um pouco de futilidades também. Ninguém chega de NY impune, sem uma comprinha, algumas fotos e o cansaço típico de quem passa dias andando.

Pelas noticias que leio ali e aqui vejo que estou mesmo no meu Brasil. Corpo encontrado na zona sul do Rio, caos nos aeroportos, ex-presidiário, quer dizer, presidente de volta a ativa com jeitinho de mártir, além de algumas mortezinhas típicas para temperar o jornal de todo dia...

Agora é correr para não perder o roteiro cultural paulista nessa cidade onde apenas uma exposição deve ser vista por dia, se não, o transito é capaz de transformar o roteiro cultural em estresse metropolitano. Minha lista já está começando a me assustar, melhor riscar alguns itens antes de ser riscada da minha lista. Anish Kapoor, Corpo Humano, Leonardo da Vinci, a fotografia na coleção do Ivam, além de alguns filminhos e peças de teatro.

Ah, nesses dias de “férias” acabei dois livros muito bons , quem estiver a procura de livros curtos, fáceis e muito bem escritos, recomendo; Sábado e Mãos de cavalo.

Um comentário:

flavia melissa disse...

giovanna, antes pudessem os anjos ficar parados em algum lugar...
mas eles têm asas e elas servem para levá-los prá looooonge!

beijos ;))

ps_adorei sua visita e as notícias de ny. quase chorei por vc e sua poltrona.