30 de junho de 2005

Saudades de mim

Lagrimas de saudade, saudades de alguém que eu não sei , saudade de sentir o que não conheço, saudades de sentir saudade, saudade de palavras nunca ditas, de uma despedida que ainda não aconteceu, de
um amor que partiu sem nunca ter chegado, da alegria dos lábios que ainda não sorriram.
Saudades,que saudades eu sinto...


Estou com saudades de mim, de uma menina com seu vestidinho já curto de tanto esperar, esperar por mim.
Quantas noites aquela menina foi dormir sonhando ter 30 anos, uma casa,um trabalho,uma vida...
Quantos sonhos, quantas noites a espera do que sou, e hoje, tudo o que quero é ser o que eu era para poder sonhar ser quem sou...

Nenhum comentário: